Skip to main content

Projeto popular de inglês para mulheres faz campanha de financiamento 

Danielle Brito, Dayane Brito e Daysi Brito, as irmãs fundadadoras do projeto educacional MAI | Foto: Divulgação

O Mulheres Aprendendo Inglês (MAI) está com uma campanha de financiamento coletivo para auxiliar na sua expansão. O objetivo é fazer com que a iniciativa alcance mais meninas e mulheres.

O MAI é um projeto educacional independente, desenvolvido por três mulheres negras maranhenses: Dayane Brito, Daysiane Brito e Danielle Brito, fundado em 2018. Tem inspiração na educação popular, com os pilares “inglês, antirracismo, afeto e empoderamento”.

Para falar sobre esse assunto o Jornal Tambor de segunda-feira (27/05) entrevistou Dayane Brito e Daysi Brito. Além de cofundadoras, elas também são professoras do projeto educacional.

(Veja abaixo a edição completa do Jornal Tambor, com a entrevista de Dayane Brito e Daysi Brito) 

Segundo as professoras, o MAI possibilita que o ensino da língua inglesa chegue, principalmente, às mulheres da periferia. Para elas é importante que o acesso à educação alcance esses e outros espaços.

“A gente sabe que o inglês ainda é muito pensado para pessoas com acesso a dinheiro. Então o MAI surge com essa inquietação de mudar esse olhar”, disse Daysi.

Dayane reforçou que com a arrecadação da campanha será possível custear novas atividades e expandir a comunidade do projeto.

“Ficamos muito felizes com essa expansão que estamos tendo. E por conta disso que vão surgindo novos desafios”, reforçou a fundadora do MAI.

Como apoiar

Você pode apoiar por meio do pix: [email protected] ou por meio da plataforma apoia.se/projetomai. Acesse também o instagram: @mulheresaprendendoingles.

História

O MAI – Mulheres Aprendendo Inglês surgiu de uma inquietação com a falta de acessibilidade do aprendizado da Língua Inglesa para as mulheres de diferentes realidades financeiras. 

O foco do ensino para o gênero é explicado pela jornada dupla que muitas delas vivem, dificultando os estudos.

Ele foi fundado com o intuito de democratizar o acesso ao ensino de Língua Inglesa. 

Antes da pandemia, as aulas aconteciam no Centro de Criatividade Odylo Costa Filho, em São Luís (MA).

Hoje o projeto tem um ensino de modo virtual, com atividades online. E consegue alcançar mulheres e meninas de todo o Brasil e de outros países. Tudo isso de forma independente.

Leia também: Coletivo transformando realidade de meninas e mulheres da Cidade Operária

Além do valor social estabelecido, também oferta bolsas integrais e parciais para as alunas. As aulas podem ser em grupos ou individuais, de acordo com a necessidade da pessoa.

Com metodologias ativas, focando na comunicação, o MAI aborda temas voltados para mulheres. E proporciona o ensino de inglês com culturas de outros países, além da Inglaterra e Estados Unidos. 

Um dos focos de ensino do projeto é que as alunas aprendam que existem outros países que também têm o inglês como idioma nativo. Com um ensino decolonial.

Dayane Brito, Danielle Brito, Vitória Martins e Daysi Brito fazem compõem a diretoria do MAI | Foto: Divulgação

Em seis anos, o projeto já alcançou mais de 300 mulheres e meninas de 10 a mais de 60 anos. Além de ter oferecido mais de 100 bolsas parciais e integrais. Formando uma verdadeira comunidade. 

Além disso, também possui um clube de assinatura chamado MAI Club, com atividades extras para o aprendizado do idioma. A assinatura inclui o clube de leitura, Mulheres Lendo Inglês, que foca na literatura de obras femininas. 

Uma das principais atividades presenciais do MAI é o piquenique realizado em São Luís, que é uma forma de conexão entre as alunas da cidade. 

O MAI atua em uma perspectiva de ser além de um ensino de inglês. Sendo um projeto educacional que transforma, dá autonomia e autoconfiança para mulheres e meninas de diferentes realidades.

(Confira abaixo a edição do Jornal Tambor, com a entrevista completa de Dayane Brito e Daysi Brito)

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x

Acesso Rápido

Mais buscados